s

         
  OBRA 26  •  Muro de Contenção em Solo envelopado

DESCRIÇÃO DA OBRA ––––––––––––––––––––––––––––––––––––––––––––––––––––––––––––––––––––––––––––––––––––––––––––

Em alguns trechos desta ferrovia (Estrada de Ferro Carajás), seria necessário expandir lateralmente o aterro existente para permitir a instalação do novo eixo. A construção desses aterros laterais, de acordo com o projeto inicialmente concebido, fazia com que a saia do aterro se estendesse lateralmente, tornando-se necessário realizar a ampliação do bueiro (BDCC), dessa forma haveria um problema por limitação de área.

SOLUÇÕES
––––––––––––––––––––––––––––––––––––––––––––––––––––––––––––––––––––––––––––––––––––––––––––

 A consultoria, realizou um estudo de estrutura de contenção em solo reforçado com geogrelhas tecidas de poliéster monodirecionais de 200 kN/m com adição de uma biomanta de fibra de coco à face para evitar a fuga do solo de aterro e permitir o crescimento de vegetação na face da estrutura, a ser construída na locação 27 (441+420) na Estrada de Ferro Carajás, pertencente à companhia Vale do Rio Doce S/A. assim, equacionou o problema do ponto de vista técnico e econômico.

A opção em se trabalhar com uma estrutura de contenção em solo envelopado com geogrelhas de poliéster teve como fator decisivo a logística de materiais para o local da obra. Como se tratava de um trecho afastado de qualquer centro de distribuição de insumos, como concreto e sem espaço para montagem de estoque de materiais como rachão optou-se pela utilização de geossintéticos, como as geogrelhas e as biomantas, por serem materiais leves, de fácil estoque e simples instalação.

RESULTADO
––––––––––––––––––––––––––––––––––––––––––––––––––––––––––––––––––––––––––––––––––––––––––––

 Obteve se uma obra com características estruturais e de suporte que atenderam a necessidade do cliente e com a facilidade executiva que a frente de obras necessitava com o benefício de que após o crescimento de vegetação na face  contenção apresentará características de um talude natural, reduzindo assim o impacto ambiental e visual da intervenção.

PRODUTO: Geogrelha tecida de poliéster

APLICAÇÃO: Solo envelopado

LOCAL: Estrada de ferro Carajás

DATA: Ano 2010

GALERIA DE FOTOS
- clique para ampliar -






- Empresas integrantes -

Bidim
|
|
Cipatex
|
Fabritech
 
| Maccaferri | |  
 
Roma
|
Sansuy
|